e-Unicamp – Conteúdo Digital

images (1)Desde o último mês de Abril, o Grupo Gestor de Tecnologias Educacionais (GGTE) e as Pró-Reitorias de Graduação e Pós-Graduação da Universidade Estadual de Campinas, disponibilizam através do Portal e-Unicamp disponibilizam vídeos, animações, simulações, ilustrações e aulas de diversas disciplinas, criadas por professores da Unicamp. Todo o conteúdo do Portal e-Unicamp é de livre acesso. O objetivo é encorajar o uso de tecnologias educacionais e incentivar novos relacionamentos entre professores, alunos e a comunidade em geral, de modo a instigar a aprendizagem e compartilhar conhecimentos.

Além do conteúdo, o portal disponibiliza o ToolDo, um software livre (open source) e gratuito que proporciona a criação de conteúdo multimídia, cujas funcionalidades são acessadas via Internet. A ferramenta organiza as etapas de editoração em fases e estágios dinâmicos e customizáveis, antes da publicação final do conteúdo. Os perfis de cada usuário também são customizáveis e podem ser associados aos estágios do workflow. O produto final gerado é um endereço web de exibição do conteúdo de navegação fácil e dinâmica.

Para conhecer o conteúdo pedagógico e o ToolDo, acesse www.ggte.unicamp.br/e-unicamp

 

Anúncios

Avaliações discursivas já podem ser corrigidas por softwares

Nenhum professor gosta de passar horas corrigindo provas discurcivas não é verdade?  Para facilitar a vida dos professores, o MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts – Estados Unidos), desenvolveu um software que conseguiu corrigir cerca de 20 mil provas com certa exatidão. As notas atribuídas pelo programa ficaram bastante próximas das avaliações feitas pelos professores. No entanto, de acordo com o professor Les Perelman, responsável pela pesquisa, ainda é cedo para a tecnologia funcionar sem a ajuda de humanos. Falhas como o software não conseguir dizer quando um aluno usou um jargão gramatical ou mesmo se ele plagiou o trabalho de outra pessoa ainda precisam ser resolvidas.

Matemática, a vilã das matérias

Em 2011 cresceu o número de alunos que saem do ensino médio sabendo menos que o básico de matemática (fonte), que sempre foi vista como a vilã das matérias. Por mais que os professores se esforcem para ensinar, os alunos sempre fazem cara feia, reclamam que é muito difícil e que nunca vão conseguir aprender.

Não é fácil para o professor tornar a matemática agradável e facilitar o aprendizado dos alunos. Uma alternativa para chamar a atenção dos alunos para essa matéria que é tão importante no nosso dia a dia, são os softwares educacionais voltados para o ensino da matématica:

Geogebra: Geometria, funções, álgebra e planilha de cálculo interativos. Pode ser usado do ensino fundamental à universidade. Oferece materiais de apoio gratuitos.

Kmplot: pode ser usado para desenhar as funções cartesianas, paramétricas e as funções nas coordenadas polares. Aceita vários modos de grade e os desenhos podem ser impressos com alta precisão na escala perfeita. Pode-se também desenhar várias funções simultaneamente e combiná-las para criar funções novas. Ensino Fundamental II e Ensino Médio.

Calc 3D: Calculadora 3D que calcula 3 vetores dimensionais, matrizes, números complexos e quaternions. É capaz de fazer cálculos normais como adição subtração, produto, divisão, vetores de unidades, comprimento, medidas, ângulos entre vetores e muito mais.

Kalcul: O jogador tem 16 cartas com números. Uma operação é exibida em uma tela pequena no canto direito da placa. Você tem que clicar sobre a resposta certa no tabuleiro. O cartão com a resposta desaparece. Kalcul suporta adição, subtração, multiplicação e divisão. Há 3 níveis: fácil, médio e difícil.

Modellus: é um ambiente computacional que permite a construção e simulação de modelos de fenômenos físicos, químicos e matemáticos utilizando equações matemáticas que representam esses fenômenos. Desta forma o usuário descreve o modelo matemático que representa o fenômeno, o Modellus realiza a simulação computacional  deste.

Kpercentage: O jogo apresenta diversas opções de operações com porcentagem e pode ser usado para praticar e testar os conhecimentos do aluno. Faz também uma porcentagem de quantas vezes o aluno jogou e quantas acertou. Para jogar basta escolher um tipo de exercício, clicando nele e depois completar os campos em brancoe clicar em Aplicar para ver se o resultado está correto. A interface é colorida, divertida e fácil de usar.

Existem vários outros softwares matemáticos que podem ajudar os professores a deixar suas aulas de matemática mais atraentes e eficientes, baixando assim o número de alunos que sai da escola sem saber ao menos o básico da matemática.

Educatux

O EducatuX é um método educacional que foi concebido com a finalidade de promover uma integração pedagógica entre computadores e educação utilizando software livre. O projeto visa à construção de materiais didáticos para professores e alunos do ensino fundamental que auxiliem na integração das aulas à tecnologia. Tem também como objetivo a construção de oficinas práticas que serão aplicadas nas escolas tendo como público alvo os professores e pedagogos da escola. Abaixo temos um vídeo que explica melhor como o projeto funciona.