Dicas de leitura para as férias (ou para o resto da vida!)

As férias estão mal começando e precisamos aproveitar ao máximo. Eu procuro ler bastante durante todo o ano, mas nas férias eu dedico um tempo maior para essa atividade. Hoje eu acabei de assistir o vídeo Ampliflix31 onde o assunto era exatamente esse: Dicas de leitura para as férias. Esse vídeo faz parte do canal Amplifica no Youtube, criado pela Carla Arena e pela Samara Brito.

Eu listo abaixo quase todos os livros que foram citados durante o vídeo. Vocês vão perceber que não são somente livros da área de educação. No vídeo, a Carla Arena explica sobre a importância de lermos também livros que não são da nossa área especificamente. Eu concordo plenamente. Tem momentos que o cérebro da gente pede novos ares. Quando eu leio muitos livros seguidos sobre educação, parece até que estou lendo o mesmo livro várias vezes. É sempre bom variar, o que facilita que tenhamos novas ideias.

Segue a lista

De todos os citados, eu li somente 3: Ensino Híbrido, O Símbolo Perdido e Malala. Então, qual será minha meta para 2018? Ler todos os outros!!! Se você quiser me acompanhar nesse projeto é só me seguir no Instagram através da conta @cristianeacaciorosa ou pela hashtag #livrosamplificados

Antes de finalizar essa postagem, é claro que eu preciso deixar minhas dicas: Pedagogia do Cuidado: um modelo de educação social, escrito por Celso Antunes e pela sensacional Dagmar Garroux, mais conhecida como Tia Dag, fundadora da Casa do Zezinho. Minha outra indicação é o autor Robin Cook, criador da medicina literária.

E você, quais indicações literárias tem para nos dar? Deixe nos comentários dessa postagem.

Anúncios

Google Lens: transforma sua câmera em campo de pesquisa

O Google está prestes a dar um grande passo na forma como as pessoas fazem busca por informações na internet. O nome desse passo é: Google Lens. De forma simplificada, o Google Lens é um buscador via câmera do celular. É uma nova inteligência artificial que capacita a câmera de um smartphone Android a ler e interpretar tudo o que estiver sendo apontado. A novidade foi apresentada pelo CEO do Google, Sundar Pichai. A ferramenta estará disponível no Google Assistant e no Google Photos em breve.

Sundar Pichai apresentou alguns exemplos de uso do Google Lens para facilitar o entendimento:

  • Se uma pessoa mirar para um estabelecimento comercial na rua, aparecerão na tela as informações do local, como avaliações, horários de funcionamento e comentários de usuários.
  • Se o item for uma flor, o Google Lens irá fornecer informações sobre a espécie da planta ou se há floriculturas próximas.
  • Se a pessoa aponta para um código de barras com credenciais de uma conexão WiFi, o smartphone será conectado à rede automaticamente.
  • A integração do Lens com o Assistant também será uma boa ferramenta para traduções.

    Na apresentação, a câmera do celular foi colocada em frente a uma placa com informações escritas em japonês. Ao apertar no ícone do Lens e perguntar “o que isso quer dizer?”, o Assistant traduziu o texto.

    Sundar Pichai mostrou também que os algoritmos do Google possuem tecnologia para melhorar automaticamente a qualidade das fotos.

    Os exemplos mostrados foram:

    • Se você fizer uma foto de um jogo de baseball através de uma grade, o Google pode automaticamente remover a grade da foto e deixar a imagem mais limpa para facilitar a pesquisa;
    • Se você fotografar com baixas condições de luz, o Google pode automaticamente realçar os detalhes da foto pra que ela fique com uma melhor qualidade.

A forma como as pessoas pesquisam na internet vai mudar drasticamente

Com o Google Lens, cada vez mais as pessoas irão apontar para objetos para que o buscador identifique o que é e forneça informações sobre o assunto. Isso deverá impactar em todo o trabalho de SEO, pois as pessoas não buscarão mais por meio de palavras e sim por meio de imagens. Como o Google costuma dizer, o principal fator de ranqueamento é um bom conteúdo, um resultado que cumpra a expectativa do usuário. Isso causará um alto impacto em SEO futuramente.

Fonte: Resultados Digitais

Programa Conecta Biblioteca

Mais do que um local para empréstimo de livros, as bibliotecas podem ser verdadeiros espaços de inovação. Com essa proposta, a ONG Recode e a Caravan Studios querem usar a tecnologia para apoiar o desenvolvimento local e aumentar o número de visitantes em 92 bibliotecas públicas de todo o Brasil. Até o dia 20 de abril, estão abertas as inscrições para o programa Conecta Biblioteca, que pretende fomentar a inovação em espaços públicos de leitura. Com patrocínio da Fundação Bill & Melinda Gates, a iniciativa irá oferecer formações presenciais e à distância para equipes interessadas em transformar suas instituições, atrair o público jovem e ampliar a participação da comunidade por meio de recursos tecnológicos.

Durante dois anos, bibliotecários e profissionais selecionados pelo programa irão participar de capacitações que envolvem pesquisa na comunidade, gestão participativa, estratégias de comunicação e captação de recursos. A ideia é que as equipes possam mapear os interesses e as necessidades da comunidade para desenvolver suas atividades.

Inscrições
As instituições interessadas participar da nova edição do Conecta Biblioteca podem se candidatar pelo site. Para completar a inscrição, também será necessário enviar um termo de cooperação assinado pelo profissional da biblioteca e algum representante do setor público, além de um relatório de atividades do último semestre e fotos do espaço em funcionamento.

Podem concorrer ao edital instituições públicas, municipais e estaduais que estejam cadastradas no Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas e tenham, no mínimo, três computadores com internet banda larga. As bibliotecas públicas também devem estar localizadas em municípios com até 250 mil habitantes ou no Distrito Federal.

Mais informações em http://recode.org.br/conectabiblioteca/

Finte: Porvir