Compartilhe suas histórias com o Inventeca

Se você é leitor assíduo desse blog, com certeza já conhece o Inventeca. Mas, se não conhece não tem problema, sempre é tempo de conhecer coisas novas :)

E se eu volto a falar sobre o mesmo assunto é porque…temos novidade!

Agora no Inventeca os usuários podem enviar as suas gravações para outras pessoas. Através do sistema de compartilhamento do app, as crianças podem mostrar para familiares e amigos as suas criações. Essa utilidade reforça a ideia de usar a tecnologia como uma ferramenta de união, tanto na leitura compartilhada que o aplicativo incentiva, quanto no envio das narrativas até para pessoas distantes.

Inventeca

Achei sensacional a inserção desse recurso, pois podemos conscientizar desde cedo as crianças sobre o compartilhamento de informações, seja nas redes sociais, através de jogos, e-mails e até mesmo na vida real.

Na primeira fase do lançamento, a função compartilhar está disponível exclusivamente para assinantes. Com o feedback desses primeiros usuários espera-se verificar se cada um encontra diversão, praticidade e segurança ao embarcar na brincadeira. Aos poucos, novos usuários também poderão enviar histórias para amigos e parentes.

A camada gratuita do Inventeca tem 3 livros disponíveis e quem assina a versão Premium hoje tem acesso a 23 histórias. Como em um clube de livros, a StoryMax entrega novas histórias a cada dez dias, aumentando a estante dos seus usuários pagantes, que podem deixar até 20 gravações salvas no aplicativo.

Inovação e qualidade

Reconhecida pela inovação e qualidade dos onze apps já publicados – pelos quais já recebeu dois Prêmios Jabuti, dois Reading Digital Fiction UK, três ComKids Interativos (Nacional e Prix Jeunesse Iberoamericano) e um Selo Distinção da Cátedra Unesco de Leitura PUC-Rio – a StoryMax espera criar, com o Inventeca, um ciclo de sustentabilidade no mercado editorial e de educação.

“Nosso objetivo é oferecer lazer e aprendizado de qualidade para as crianças, reunir as famílias em torno de uma atividade que as aproxima da leitura; mostrar que a criança deve ser protagonista e não apenas consumidora de conteúdo. Com isso, na outra ponta, esperamos criar oportunidades para ilustradores, roteiristas e editoras”, explica Samira.

A assinatura mensal do Inventeca no Brasil custa R$ 14,90, já a anual R$ 119,90. Você pode encontrá-lo nas versões para iOS e Android.

Anúncios

EyeFy – Leitura de textos para pessoas com dificuldade visual

O EyeFy é um aplicativo desenvolvido no brasil, que tem como objetivo auxiliar a vida de pessoas com algum problema de visão. Utilizando técnicas avançadas de inteligência artificial e aprendizado de máquina para reconhecer textos e efetuar a leitura deles em voz alta, permite maior autonomia não só para pessoas com problemas de visão, como também para aquelas não alfabetizadas.

De acordo com Jonathan Santos, criador do aplicativo, a principal motivação para o desenvolvimento do app foi a chegada ao Brasil de um sistema que, a partir de uma câmera acoplada na armação do óculos, faz a leitura de textos e identificação de objetos para pessoas cegas ou com baixa visão. O problema é o preço: ao pesquisar sobre, Santos descobriu que o sistema custava R$ 19 mil para ser instalado. Isso fez com que Jonathan criasse um aplicativo que atua de forma parecida a esse sistema, mas de forma mais inclusiva. Por isso, Jonathan garante que o EyeFy será para sempre um aplicativo gratuito, sem propagandas, e que não necessita de uma conexão com a internet para funcionar.

O funcionamento dele é bem simples: ao executar o programa, o app acessará a câmera do celular e então é só apontar a lente para o texto desejado, segurando o dedo sobre a tela por alguns segundos. Ao soltar o dedo, o aplicativo reconhecerá o texto no quadro e o lerá em voz alta. O EyeFy já está disponível para download na Play Store.

Fonte: Canaltech

Timokids – App psicossocial

Timokids é uma ferramenta psicossocial que oferece historinhas e atividades com mensagens sobre bullying, preconceitos e assédios. A plataforma cria e fornece conteúdo seguro para famílias e professores em 197 países.  É uma forma de introduzir temas difíceis na vida dos pequenos de forma didática e com a linguagem apropriada.  É uma forma saudável de utilizar tecnologia com crianças, ajudando as famílias a tratar sobre esses assuntos.

As verticais de desenvolvimento são:

  • Comportamento social
  • Educação e esportes
  • Cidadania e sustentabilidade
  • Saúde e segurança
  • Dia a dia da criança

O app está disponível no Google Play, iOS App Store e Windows Phone Store

Jogo Africano – Alfabantu: Aprenda a linguagem africana com o seu celular

Recebi no início do ano um e-mail do seite Ferramentas do Professor falando sobre o Jogo Africano – Alfabuntu que:

…ensina palavras de origem africana. Criado por educadores que atuam em escolas públicas de São Paulo, o historiador Edson Pereira e a socióloga Odara Dèlé decidiram criar um aplicativo de celular, Alfabantu, que é destinado ao ensino da língua falada pelo povo kimbundu, de Angola. No jogo a criança aprende a linguagem do alfabeto, partes do corpo humano, os animais, números, familiares e  saudações. Ao concluir,  ela participa de um jogo (Quiz) para testar seus conhecimentos de forma bem divertida.

Achei a ideia super interessante. Estamos sempre insentivando nossos alunos a aprenderem inglês pensando no mercado de trabalho e melhores oportunidades. Mas por que não aprender uma lingua africana? Sou da opnião de que devemos dar oportunidade aos nossos alunos de escolherem o que querem aprender. Vamos continuar sim insentivando o aprendizado do inglês, mas também, vamos dar oportunidade a conhecer outras línguas e culturas.