Bancos de imagens gratuitos

É muito comum nós professores precisarmos de alguma imagem para ilustrar nossos materiais. Eu que atualmente trabalho com Educação Infantil então nem se fala. Mas, eu posso usar qualquer imagem que eu encontro na internet? Não, pois as chances dessa imagem ter dono são muito grandes.

Se você utiliza o Google Docs, Apresentações Google, Desenhos Google ou Planilhas Google (quanto Google!), você pode fazer a busca por imagens dentro da própria ferramenta. Veja um exemplo na imagem abaixo:

Ao clicar em Pesquisar na Web, será aberta do lado direito uma janela onde você digita qual imagem deseja. Todas as imagens que aparecerem, estão disponíveis para uso. O Google mantém uma base segura de fotos.

Mas, se você quer mais possibilidades para encontrar fotos, veja a lista abaixo:

  • Pixabay – esse é o meu preferido e também um dos mais famosos. Todas as imagens disponibilizadas podem ser usadas sem nenhuma preocupação com copyright, até mesmo para uso comercial.
  • Unsplash – todas aos arquivos são em alta resolução. Além de ser totalmente gratuito, todas as imagens são livres de qualquer tipo de direito autoral.
  • Pexels – além de imagens, a plataforma também oferece vídeos curtos bem interessantes. Tudo totalmente gratuito e sem direitos autorais.
  • Reshot – oferece imagens de alta qualidade, gratuitas e livres de direitos autorais.

Em nenhum desses sites você precisará fazer cadastro, basta escolher a imagem, baixar e utilizar da melhor forma. E você, conhece algum outro banco de imagens? Deixa pra gente nos comentários dessa postagem.

Nenê do Zap

Os nenens são muito fofos não é mesmo? Mas todo mundo já passou por um momento de não saber muito lidar com eles. Fiquem tranquilos, para esses momentos eu trago algo (ou alguém) que poderá lhes oferecer dicas valiosas. Apresento a vocês o Nenê do Zap. Nada melhor do que um neném para nos ajudar com outros nenens.

O Nenê do Zap é um projeto sem fins lucrativos que incentiva as conversas e a interação de pais, mães e cuidadores com crianças do nascimento aos seis anos. Usando as redes sociais de forma divertida, o personagem envia dicas de como interagir positivamente com bebês e crianças, além de dar informações sobre essa fase tão importante da vida.

Essa é uma fase super importante da vida de uma criança. Quanto mais pudermos incentivar o seu desenvolvimento, melhor será. Eu tenho recebido essas dicas e tenho achado muito relevantes. Para receber as dicas, basta mandar um oi para o número (11) 99743-8964. E como esse é um neném muito moderno, você também encontra suas dicas no Twitter e no Instagram.

AprendiZap

Essa pandemia está realmente colocando a educação à prova. Aulas remotas, professores pouco preparados, falta de estrutura da escola, falta de estrutura na casa do aluno.

Esse final de semana eu li uma reportagem (na verdade não consegui ler até o final) que me deixou bem abalada. São vários os relatos de alunos que não tem condições nenhuma de estudar em casa. Ainda temos muito o que aprender para conseguirmos atender todos com o mínimo de dignidade. Mas, sempre há esperança e é nela que devemos nos apegar.

Sabemos que a questão da conectividade é um problema real. Muitos alunos só tem acesso a internet pelo plano pré pago de seus celulares. Sendo assim, precisamos pensar no material que vamos compartilhar para que esses alunos consigam aproveitar ao máximo. Pensando nisso, a Fundação 1Bi, juntamente com a Fundação Lemann e a Imaginable Futures disponibilizaram o AprendiZap, ferramenta gratuita, acessível aos planos mais básicos de internet, prática e disponível em um app já instalado no seu celular.

Como funciona?

  • A ferramenta foi desenvolvida para atender alunos do anos finais do Ensino Fundamental I, ou seja, do 6º ao 9º ano.
  • Os conteúdos são criados por professores especialistas.
  • Semanalmente, é disponibilizada uma trilha de estudos com todas as matérias do seu ano.
  • E é claro, o conteúdo está alinhado a BNCC.

Para que o aluno tenha acesso a essa ferramenta, basta enviar um “OI” para o número (11)97450-6763 ou clicar aqui. E para você professor que quer entender melhor como a ferramenta funciona, basta clicar aqui.

Precisamos cada vez mais buscar alternativas que facilitam o compartilhamento de conteúdo. A educação merece.

Deixa que eu conto

Não posso deixar de começar esse post dizendo que meu fofurômetro quase explodiu quando conheci esse projeto. O Deixa que eu conto é um podcast diário criado pela UNICEF para crianças e suas famílias.

Os programas podem ser baixados gratuitamente. Cada um é dividido em quadros com contação de história, músicas e brincadeiras, entre outros. Você encontra os programas no site do projeto, no Spotify e no Youtube. No site do projeto, há uma sugestão dos programas serem baixados e editados para que sejam veiculados por rádios em todo o Brasil. O importante nesse momento tão estranho de nossas vidas é compartilhar histórias boas!

Atualmente estou em sala de aula como Professora de Desenvolvimento Infantil. Acho super importante contar histórias para as crianças nessa faixa etária. Mas, confesso que sou péssima contando história. As crianças são tão maravilhosas que fingem muito bem que gostam kkkk

Se você tem essa mesma dificuldade, esse é um ótimo projeto para te ajudar no seu dia a dia em sala de aula e também para qualquer pessoa que tem crianças por perto.