11º Prêmio Professores do Brasil CIEB

O Prêmio Professores do Brasil (PPB) é uma iniciativa do Ministério da Educação que busca reconhecer, divulgar e premiar o trabalho de professores de escolas públicas da educação básica que contribuem para a melhoria dos processos de ensino e aprendizagem desenvolvidos nas salas de aula.

Em 2018, na 11ª edição, o Prêmio terá seis categorias regulares: Creche, Pré-escola, Ciclo de Alfabetização: 1º, 2º e 3º anos, 4º e 5º anos, 6º e 9º, Ensino Médio. Além disso, há cinco temáticas especiais, entre as quais “Uso de Tecnologias da Informação e da Comunicação no Processo de Inovação Educacional”, sob a curadoria do Centro de Inovação para a Educação Brasileira (CIEB), um dos parceiros técnicos do MEC na premiação.

Serão premiados na temática tecnologia três professores, que vão receber recursos de 5 mil reais cada um.

Queremos identificar atividades pedagógicas que promovam a cultura de inovação e o uso de tecnologia para melhorar a qualidade e a equidade na educação pública. Existem diversas boas práticas por este país afora. Precisamos localizar esses educadores inovadores, dar visibilidade a seu esforço e, com isso, inspirar outros professores e gestores das redes de ensino. Lúcia Dellagnelo, diretora presidente do CIEB.

Na etapa estadual, os três primeiros colocados em cada categoria recebem certificado, e o vencedor, um troféu. Na regional, são R$ 7 mil, mais troféu e viagem oferecida pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). Na categoria nacional são mais R$ 5 mil e troféu.

Para se inscrever, clique aqui. Fique atento, as inscrições acontecem até o dia 28/05.

Anúncios

Cgi.br – Comitê Gestor da Internet no Brasil

O Comitê Gestor da Internet no Brasil (Cgi.br) tem a atribuição de estabelecer diretrizes estratégicas relacionadas ao uso e desenvolvimento da Internet no Brasil e diretrizes para a execução do registro de Nomes de Domínio, alocação de Endereço IP (Internet Protocol) e administração pertinente ao Domínio de Primeiro Nível “.br”. Também promove estudos e recomenda procedimentos para a segurança da Internet e propõe programas de pesquisa e desenvolvimento que permitam a manutenção do nível de qualidade técnica e inovação no uso da Internet.

Scratch Jr.

É cada vez mais frequente ouvirmos falar sobre a importância da apropriação do ensino de linguagem de programação pelas escola. Mas em qual idade começar? Com o Scratch Jr., você pode começar a trabalhar com alunos de apenas 5 anos de idade. O Scratch Jr. foi criado a partir do Scratch. Ele apresenta uma interface muito atrativa e intuitiva. Basta conectar os blocos de acordo com o que você deseja que seu personagem ou objeto realize. É possível criar histórias bem interessantes, desenvolvendo a imaginação e a criatividade das crianças. Você pode conhecer mais acessando o site do Scratch Jr. ou lendo este Tutorial Introdutório que eu preparei. Depois por favor, volte aqui e compartilhe com a gente a sua experiência.